3 segmentos de negócios que se beneficiam de aplicativos!

Que o mundo é digital, essa é uma realidade com a qual convivemos há alguns anos. Nada escapa ao uso da internet para manter relacionamentos e fazer negócios.

Podemos dizer que dificilmente uma empresa terá sucesso de vendas no mundo dos negócios atual se não investir no mercado online – site, blog, redes sociais, e-mails marketing e tantas outras ferramentas.

Porém, mal nos acostumamos com mundo digital e já estamos partindo para uma nova era de modelos de negócios: a criação de aplicativos em smartphones.

Ter um aplicativo pode dar uma grande vantagem competitiva ao seu negócio em um momento que este tipo de canal de comunicação cresce mas ainda está pouco explorado.

Basicamente as startups estão investindo com ideias inovadoras em Apps mas o mercado tradicional está começando a entender e investir. São grandes as chances de você ser inovador no seu segmento usando um aplicativo.

Vamos falar de 3 segmentos de negócios que se beneficiam de aplicativos. Mas certamente você encontrará o caminho para o sucesso usando Apps se não estiver entre esses.

Um Aplicativo alavanca o seu negócio, mas requer cuidados

Um App ainda é um modelo de comunicação relativamente novo para a maioria das pessoas, então é importante entender bem o seu público-alvo.

  • Se ele é sensível a usar este canal – perfil.
  • Criar o App da forma mais interativa e direcionada ao negócio.
  • O App deve ser visualmente atraente, mas acima de tudo funcional, com roteiros simples para cada finalidade.

Vantagens competitivas do uso de um Aplicativo no seu negócio

As vantagens de ter um o App no seu negócio são muitas:

Maior visibilidade

Não é apenas sua marca existir; é estar no menu de aplicativos do seu cliente. Simples como clicar no Whatsapp. Só isto já motiva o uso.

Aumento da taxa de vendas

Um o App bem construído induz o cliente a uma compra ou contato em uma escala muito maior que o acesso pelo site.

Aumenta a competitividade do seu negócio

Estar em um App faz seu negócio dar um salto à frente dos seus concorrentes, conferindo um nível de modernidade.

Maior fidelização dos clientes

Ter um aplicativo no smartphone com a sua marca aumenta as probabilidades de ele lembrar da sua marca antes das demais no momento de pesquisar um produto ou serviço.

3 segmentos de negócios que se beneficiam de aplicativos

01 – Transportes

Solicitar um transporte por aplicativo é uma tarefa comum nos dias de hoje, mas ainda concentrado no transporte de passageiros no estilo taxi.

Se você tem uma empresa de transporte de alunos ou de pequenas cargas prestando serviços para comércios ou clientes finais destes comércios, o App é uma ótima oportunidade de dar agilidade aos clientes.

Cotar serviços por tipos de carga (mudança, pequenos aparelhos, compras), volume e peso, atuar como canal de comunicação com pais no caso de transporte escolar – neste caso as notificações são ótimas para comunicar problemas de trânsito, oferecer promoções de transporte em feriados.

02 – Consultorias

Este é um segmento que cresce muito digitalmente e onde um App pode ser um canal eficiente para receber pedidos de orçamento, expor a lista de serviços que a sua empresa oferece e principalmente usa-lo como visualizador e comunicação do projeto em andamento – etapas concluídas, notificações sobre ações etc.

O segmento de Consultorias abrange um público que é sensível a novas tecnologias na sua grande maioria.

03 –Comércio de Produtos

Já existem supermercados criando aplicativos para que seus clientes possam agilizar pedidos de mercadorias. Você pode criar um espaço onde o cliente crie uma lista ou mais listas fixas e faça a escolha quando desejar comprar.

Seu aplicativo pode ter interação com o estoque para comunicar faltas antes do cliente fechar o pedido – e notificações sobre a chegada deles.

 

Saiba tudo sobre a criação de Apps.

 

Já pensou em ganhar dinheiro na internet? Veja essas duas dicas para isso acontecer!

O mundo da Internet está aí, cada vez maior e mais dinâmico, abrangendo todos os segmentos de mercado, até os mais tradicionais, e atraindo pessoas de todas as idades e formações para investir em negócios online.

E é um mundo que anda sempre em alta velocidade, mais gente chegando, oferecendo produtos, fechando vendas, agregando novos modelos de negócios e alavancando vendas.

Tudo isso assusta muitas pessoas, que se perguntam por onde começar? Com tantas possibilidades, qual devo investir?

Você já pensou em ganhar dinheiro na internet? Veja essas 2 dicas pata isso acontecer!

Dicas para quem começa a pensar em ganhar dinheiro na internet!

  1. Pense nos seus conhecimentos. As pessoas querem muito consumir conhecimento e você pode ter autoridade e experiência, duas características que podem garantir o seu sucesso.
  2. Vai vender produtos? Venda o que você acredita. Parece óbvio, mas muita gente prefere vender o que tem saída garantia ou está em alta. Pode ser um grande erro, pois toda a sua comunicação com o cliente precisa transmitir a sua crença no produto.
  3. Desenvolva o Plano de Negócios. De uma multinacional a uma delicatessen, todos deveriam investir em um Plano de Negócios que é o principal instrumento para construção do negócio.
  4. Defina sua estratégia digital. Entenda claramente em que canais o seu produto será bem entendido pela audiência. Não é preciso estar em todos os lugares – por exemplo, estar em todas as redes sociais. A superexposição pode ser prejudicial, além do custo e do tempo desperdiçados.

1 – Consultoria Online

Existem muitas pessoas que querem consumir conhecimento. Mas também temos um mercado potencial de quem quer ver seus problemas resolvidos – e pagar por isso.

E aqui o céu é o limite. A cada dia, mais empresas buscam apoio para reduzir seus custos administrativos e operacionais, melhorar o planejamento tributário, otimizar processos, melhorar o atendimento ao cliente.

Profissionais liberais procuram consultorias para melhorar seus negócios, para organização pessoal e financeira e até para planejar seus investimentos. Podemos imaginar o tamanho deste mercado, o preço e movido por boas recomendações.

Se você tem autoridade e/ou experiência em um assunto, é a sua chance. E com uma grande vantagem: você pode trabalhar em home office. É um modelo de negócio promissor, com ticket médio alto e um custo operacional baixo.

2 – Blogueiro de Nicho

Este é um modelo de negócio muito interessante e que tende a um crescimento constante nos próximos anos.

É o caso de investir em um blog para falar de um assunto específico – por exemplo, pessoas da terceira idade que desejam viajar. Como o próprio nome indica, o público é pequeno, porém bastante engajado.

Você deve postar conteúdo de qualidade e relacionado – neste exemplo, podemos falar de benefícios com passagens, regras de gratuidade, acessibilidade em diversas capitais e vários aspectos relacionados a viagens – vistos, passaporte, cuidados na viagem e no destino e outros temas.

Os ganhos financeiros são diversificados e interessantes: vender espaço para publicidade de produtos ligados aos assuntos, vender os artigos patrocinados e cadastrar-se no Google Adsense e receber por cliques nos anúncios.

Além disto, vender produtos afiliados físicos e digitais, promovendo-os no seu blog. É um universo de possibilidades, principalmente gerando informação que dê autoridade ao seu blog.

 

Pontos de atenção para investir nestes negócios

  • Desenvolva um blog com identidade visual que atrai o público-alvo desejado e conteúdo relevante (e otimizado em SEO).
  • Aposte nas redes sociais que tenham afinidade com o assunto – uma consultoria tributária certamente não deve investir em Instagram.
  • Invista em SEO para definir com clareza e acerto as estratégias corretas para alcançar o público desejado (especialmente no blog de nicho), fideliza-lo e converter o tráfego em vendas.

 

Descubra tudo sobre ganhar dinheiro neste artigo.